Depoimentos

Nadine ~ May 2019

It started as a quest. A quest for what walking could mean for me. Away from everything, from the hectic life to silence and doing things at a slower pace. Often I look at the caminho from above and I can still see myself walking. Through this beautiful valley with beautiful nature and its friendly people.

From its origin to its mouth in the Mondeo. A clear goal but with a certain endlessness. After all, the flowing water does not end anywhere, it constantly mixes and merges into a larger whole. The Dão takes you along, teaches you to move with its flow.

It was a great pleasure to walk this walk with Freya. Not only does she know the Portuguese culture and language, but she also knows a lot about the valley, its history and the flora and fauna. In addition to her knowledge, she will also take you along in her love for this environment and she knows how to convey this in such a way that the Dão and its valley become a part of you and I am grateful to her for that.

Vitor ~ Outubro dia 7 2019
Caminhada no primeiro dia, começando no naçente do Dão, terminando na Quinta da Ponte.

Foi realmente emocionante caminhar neste vale. Eu pensei que conhecia essa região, onde moro e trabalho há anos, mas esse local estava ausente e foi bastante surpreendente "descobri-lo" (graças a Freya).
Estávamos lá no final do outono, havia pouca ou nenhuma água nos primeiros 20 km (havíamos sofrido 2 anos de seca), mas o vale com seus carvalhos, pinheiros, grandes pedras, ar fresco e belas paisagens nos fez sentir como estávamos tão distantes da "civilização". Mesmo os telemoveis freqüentemente não conseguiam alcançar nenhum sinal. Sorte a nossa! Eu recomendo fortemente esse trilho que, a propósito, ainda não terminei.

Juliette ~ Outubro dia 10 2019
Caminhada no dia 5 (do CdD) de Sangemil para Ferreiros do Dão.

Prezada Freya,
Adorei caminhar contigo pelo Caminho do Dão. Foi uma aventura muito especial. O vale do Dão é tão bonito e as paisagens ao redor são tão diferentes cada vez que avança um pouco. Canyon como bordas rochosas e prados relvados, nunca um momento de tédio. É um rio relativamente pequeno, mas sua água dá vida, e isso é evidente quando olha ao seu redor enquanto caminha. Mesmo após o verão seco, ainda há muito verde e o rio continua fluindo, embora com menos força do que na primavera. Tão importante para a flora e fauna. As aldeias são convidativas e genuínas nesta parte de Portugal, as pessoas que encontra são extremamente simpáticas e prestativas. Quando posso ir de novo? 🙂
Com amor, Juliette

Pedro ~ Outubro 2019
Caminhamos parte do dia 3 (entre Penalva do Castello e Alcafache) e o dia 5 inteiro, de Sangemil a Ferreiros do Dão. Sr. Piet ja esta caminhando no vale do Dão desde 1992.

Olá Freya,

Aqui, alguns dos meus pensamentos e sentimentos sobre caminhadas ao longo de um rio e ao longo do rio Dao.
Um rio deixa curioso sobre de onde vem e para onde vai. Quer ver a fonte e o fim. Isso o torna meditativo por causa do fluxo constante da água. Dá um objetivo de seguir o rio para cima ou para baixo e tentar andar o mais próximo possível do rio. O Dao é um rio relativamente pequeno e tem um bom comprimento para uma boa caminhada, e há muitos caminhos agradáveis ao longo do rio ou no vale. Há muita variedade na paisagem, por isso torna o Dao muito adequado. Em dias quentes, existem muitas possibilidades para tomar banho ou nadar. A nascente do rio é um lugar muito agradável, não poderia ser mais agradável e impressionante.

Abraços,
Pedro

pt_PTPortuguês